REGIAOCENTRO.ORG
Ilustração sobre a Localidade

Aprenda a melhorar o seu beijo

Por: Paula Balsinelli

Beijar é muito bom, e bota bom nisso! Beijar é tão gostoso que a gente beija, beija, beija e quer beijar sempre mais. Como é bom sentir os lábios de quem a gente gosta, bem pertinho, bem macio, todo quentinho. Êpa! A coisa está esquentando por aqui.

Mas o que será que define um beijo bem dado de um beijo ruim? Segundo o terapeuta e escritor, Sergio Savian, o beijo bom é aquele que tem sensibilidade e presença. 

"O importante é estabelecer uma boa comunicação entre as bocas. Para isso, é preciso criatividade e domínio dos movimentos”, explica Savian, que também é criador da Escola de Relacionamentos Mudança de Hábito.

E o beijo, que já é bom, pode ficar melhor ainda. Sergio afirma que, com observação, prática e técnica é possível deixar o beijo cada vez melhor. Ah, e o mais importante. Escolha muito bem a pessoa que terá o privilégio de ganhar um beijo seu. Afinal, não é qualquer um que merece esse carinho tão íntimo.


Ginástica do beijo
*Dicas de Sergio Savian

Os lábios, a língua e toda a musculatura que participa dos movimentos da boca devem ser trabalhados para melhorar a sua condição de beijar. O senso de meditação também é bem importante para relaxar no momento. No beijo, quanto mais você se entrega, mais gostoso fica.

Vamos começar a nossa ginástica do beijo. Sente-se num lugar confortavelmente, com a coluna reta e os braços soltos.

Pescoço – Solte bem devagar a cabeça em direção ao ombro direito. Respire nessa posição e vá com a cabeça para o outro lado, em direção ao ombro esquerdo. Depois olhe para o lado direito, por cima do ombro. Respire. Olhe por cima do ombro esquerdo. Respire. Solte a cabeça para frente, estirando a nuca. Vá com a cabeça para trás, alongando o pescoço. Respire. Gire a cabeça para um lado e depois para o outro. Pronto, você soltou seu pescoço.


Massagem – Massageie a face com a ponta dos dedos. Em torno da boca, maxilar, mandíbula, ao redor das orelhas, ao lado do nariz e abaixo dos olhos. Massageie a garganta e o pescoço. Com a palma das mãos massageie o meio do peito. Solte sempre o ar. Solte a tensão. Talvez você tenha vontade de bocejar, e isso é bom. Assim estará descarregando a tensão.


Lábios – Inspire e solte o ar pela boca, movimentando os lábios para fora, feito criança. Fique beiçudo. De novo, inspire e solte o ar pela boca, deixando os lábios soltos. Faça um biquinho e dê beijinhos no ar, bem pequeninos. Vários beijinhos, tonificando os lábios.
Com a boca fechada, sem mostrar os dentes, faça o movimento de esticá-la, como se fosse dar risada, e depois faça biquinho. Respire pelo nariz e continue fazendo esse movimento.
Faça o mesmo movimento, mas agora mostrando os dentes. Estique os cantos da boca ao máximo e contraia os lábios fazendo um beição para frente.


Caretas – Faça caretas envolvendo principalmente a boca, os lábios e a língua. Deixe a língua durinha bem para fora da boca. E depois para dentro. Para fora e para dentro muitas vezes.


Língua – Movimente a língua para fora e para a direita e depois para a esquerda. Para a direita e para a esquerda. Descanse e respire. Agora, posicione a língua para fora e para baixo, sobre o lábio inferior, e para cima, tentando tocar o nariz. Para baixo e para cima, várias vezes. Respire sempre.


Mastigando – Faça movimentos com a boca como se estivesse mastigando de boca aberta, quanto mais aberta melhor. Exercite esses músculos.

Fazendo esses exercícios você estará trabalhando a boca para ficar relaxada e tonificada, o que é importante no beijo. Às vezes o beijo é delicado e suave, noutras vezes é bem afoito. Nada como uma boca preparada, exercitada para isso. 

Os exercícios devem ser feitos regularmente e você notará a diferença. Durante um mês, uma vez por dia é uma boa dose. Depois você pode fazê-los 3 vezes por semana.


Kung fu da língua

Kung fu da língua é o nome do exercício, no mínimo divertido, recomendado por Savian. Serve para tonificar os músculos dos lábios e da língua. 

"Amarre uma fruta que tenha cabinho (maçã, pêra ou laranja, por exemplo) num cordão, fazendo uma espécie de pêndulo. Golpeie a fruta com a língua para que ela vá bem longe. Quando ela voltar golpeie de novo, mas cuidado para não se machucar"


Dicas pra um beijo daqueles

Você pode começar de forma suave, sentindo bem os lábios do outro. Pequenos beijos secos no começo e, pouco a pouco, vá molhando. 

A ponta da sua língua pode tocar levemente a ponta da língua dela(e).Você pode então pressionar mais os lábios nos lábios dela (e). De suave, o beijo passa para um ritmo mais forte. Nesse momento as línguas já se misturam. Tente o equilíbrio entre as incursões de sua língua na boca dela(e) e vice-versa. Viaje nisso. Feche os olhos e se entregue ao momento. É uma viagem. 

Dê um beijo que tenha o tempo da eternidade. Mas mude o ritmo de vez em quando. Explore outro repertório. Sempre há um jeito novo de beijar, principalmente porque cada pessoa tem um jeito único de ser. 

Cada beijo seu, não importa a sua idade, pode ter a emoção do primeiro beijo.


COMENTÁRIOS DOS LEITORES


Find more about Weather in Coimbra, PO
Click for weather forecast


NEWSLETTER

Subscrever a newsletter:



Sair da newsletter:

ARRENDA-SE.NET

Quartos, apartamentos, casas, etc

RECADINHOS

Últimos recadinhos dos leitores:

Congratulations for the site. It is very nice to get more informations about Portugal. A beautiful country.
Matheus Smith 2016-07-30 23:39:20


RELÓGIO

Veja que horas são no mundo

NOTÍCIAS

Jornal O PÚBLICO

Belenenses SAD quer repetir jogo com o Benfica
Clube enviou carta à Liga de Clubes, baseando-se no relatório do árbitro e nos regulamentos de competição para solicitar a não homologação do resultado.

Louis Vuitton apresenta a última colecção do director criativo Virgil Abloh
O desfile, que será “um tributo à vida e legado de um génio criativo”, terá lugar nesta terça-feira.

Presidente do CDS-PP saúda Rui Rio pela reeleição sem “pedinchar nenhuma coligação”
Líder do CDS vê “algumas vantagens” numa coligação com o PSD. Rodrigues dos Santos considera que uma eventual coligação “tem um efeito psicológico nos eleitores de centro-direita” e pode “esvaziar a ascensão dos partidos emergentes”.

Ensaio clínico na Universidade de Coimbra para treinar cérebro de crianças em casa
Novo conceito está apoiado em métodos de estimulação cerebral, uma técnica não invasiva que envolve correntes directas de baixa amplitude e em determinadas regiões do cérebro

Candidaturas abertas para Prémio Fluviário de Mora - Jovem Cientista do Ano
O galardão visa distinguir um aluno de licenciatura, mestrado ou doutoramento que tenha publicado, como primeiro autor e no ano do concurso, um artigo sobre a temática da conservação e biodiversidade de recursos aquáticos continentais.

Ómicron: ignorância ou hipocrisia?
O aparecimento de variantes que causem preocupação depende do número de replicações que o vírus se permite fazer. O número de replicações depende do número de pessoas infectadas. E o número de pessoas infectadas depende do número de pessoas vacinadas (inversamente, claro).

NOTÍCIAS

Jornal EXPRESSO

(c) 2014 Portal REGIAOCENTRO.ORG

Termos de Serviço

Privacidade