REGIAOCENTRO.ORG
Ilustração sobre a Localidade

Benavente

Benavente é uma vila portuguesa no distrito de Santarém, com cerca de 9 100 habitantes.

Desde 2002 que está integrada na região estatística (NUTS II) do Alentejo e na sub-região estatística (NUTS III) da Lezíria do Tejo; continua, no entanto, a fazer parte da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Lisboa e Vale do Tejo, que manteve a designação da antiga NUTS II com o mesmo nome. Pertencia ainda à antiga província do Ribatejo, hoje porém sem qualquer significado político-administrativo, mas constante nos discursos de auto- e heteroidentificação.

É sede de um município com 521,38 km² de área e 29 019 habitantes (20111 ), subdividido em 4 freguesias. O município é limitado a nordeste pelo município de Salvaterra de Magos, a leste por Coruche, a sueste pela área secundária do Montijo, a sul por Palmela e Alcochete, a noroeste por Vila Franca de Xira e Azambuja e tem um estreito troço ribeirinho do Estuário do Tejo, a sudoeste, através do qual limita com Loures.

A povoação tem um aspecto agradável e simpático, e no seu tecido urbano inserem-se apreciáveis residências, antigas e modernas, e parques arborizados. Junto ao cais velho ainda se vislumbram, na toponímia e na estrutura dos edifícios antigos, vestígios de uma navegação fluvial, anterior às obras de hidráulica que transformaram substancialmente a região. No largo do Município, fronteiro aos Paços do Concelho, foi reerguido com base nos fragmentos que estavam em poder da câmara, um gracioso Pelourinho quinhentista, o Pelourinho de Benavente.

 

História

Em 1199, a fixação de colonos estrangeiros na margem sul do Tejo, conduziu ao surgimento da povoação de Benavente. Situada nos limites do Castelo de Coruche, subordinado à Ordem de Calatrava, foi constituída sob a égide e senhorio desta ordem militar. Neste facto, se tem também associado o nome da povoação, sabido que à mesma Ordem pertencia também o Castelo de Benavente, no Reino de Leão. Benavente, situada entre Santarém e Lisboa, é delimitada pelo rio Sorraia, um dos principais afluentes do Tejo e foi o segundo concelho instituído ao sul deste rio.

Tem foral antigo, dado por D. Paio, ou Pelágio, mestre da Ordem Militar de Évora, em 25 de Março de 1200 e confirmado em Santarém em 1218 por D. Sancho I. D. Manuel concede-lhe foral novo em 16 de Janeiro de 1516. Além disso recebeu privilégios de vários monarcas, especialmente de D. Dinis e D. Fernando.

Benavente, permite definir um centro histórico consolidado, uma vez que toda a área se encontra bem delimitada pelo rio Sorraia, a nascente e pela designada lezíria dos cavalos, na face poente. O centro histórico assume uma forma triangular, localizando-se no vértice o Cruzeiro do Largo do Calvário e no centro, o local onde se erguia a antiga Igreja Matriz, destruída pelo sismo de Benavente de 1909, que matou mais de 60 pessoas e destruiu praticamente todas as casas da povoação.

 

 

Património Arquitectónico e Arqueológico

 

  • Cruzeiro do Largo do Calvário
  • Biblioteca Municipal de Benavente
  • Museu Municipal de Benavente
  • Núcleo Museológico Agrícola
  • Paços do Concelho - Câmara Municipal de Benavente
  • Palácio do Infantado, Samora Correia
  • Pelourinho de Benavente
  • Igreja Matriz de Benavente
  • Igreja Matriz de Samora Correia
  • Igreja da Misericórdia de Benavente
  • Igreja da Misericórdia de Samora Correia
  • Fonte de Santo António, Benavente
  • Fonte do Concelho, Samora Correia
  • Fortim de Belmonte
  • Convento de Jenicó
  • Olaria Romana da Garrocheira

 

 

Fonte dos textos: Wikipedia


COMENTÁRIOS DOS LEITORES


Find more about Weather in Coimbra, PO
Click for weather forecast


NEWSLETTER

Subscrever a newsletter:



Sair da newsletter:

ARRENDA-SE.NET

Quartos, apartamentos, casas, etc

RECADINHOS

Últimos recadinhos dos leitores:

Congratulations for the site. It is very nice to get more informations about Portugal. A beautiful country.
Matheus Smith 2016-07-30 23:39:20


RELÓGIO

Veja que horas são no mundo

NOTÍCIAS

Jornal O PÚBLICO

Bolsonaro veta lei que define indígenas como “grupo de extrema vulnerabilidade”
Proposta obrigava o Governo federal a garantir o acesso universal a água potável, a distribuição gratuita de materiais de higiene e fornecer camas hospitalares aos povos indígenas, os mais vulneráveis no Brasil perante a pandemia de covid-19.

PCP propõe estratégia alternativa de apoio à bicicleta em Lisboa
Para a concretização das medidas que avançam, os vereadores defendem a alocação de três milhões de euros.

Covid-19: OMS anuncia criação de comité independente para avaliar resposta a pandemia
Painel apresentará relatório preliminar em Novembro.

Directora dos serviços de informação e análise da DGS sai do cargo. Organismo já encontrou substituto
Em plena pandemia, a directora dos Serviços de Informação e Análise da DGS, Graça Lima, abandonou o cargo, com dias de intervalo em relação à saída de outra figura-chave, a epidemiologista Rita Sá Machado. DGS garante que já encontrou substitutos

Festival de Música da Póvoa de Varzim com menos público mas com transmissão na internet
Segundo o vereador com o pelouro da Cultura na autarquia poveira, “era necessário que acontecesse com a mesma qualidade, mesmo com as limitações provocadas pela pandemia”.

Jerónimo de Sousa recusa estigmatização de Rita Rato por ser comunista
O secretário-geral do PCP defendeu a ex-deputada das críticas à sua escolha para a direcção do Museu do Aljube.

NOTÍCIAS

Jornal EXPRESSO

(c) 2014 Portal REGIAOCENTRO.ORG

Termos de Serviço

Privacidade