Ilustração sobre a Localidade

Marinha Grande

Marinha Grande é uma cidade portuguesa no distrito de Leiria, região Centro e sub-região do Pinhal Litoral, com cerca de 10 500 habitantes.1

É sede de um município com 187,25 km² de área2 e 38 681 habitantes (2011),3 4 subdividido em 3 freguesias.5 O município é limitado a norte e leste pelo município de Leiria, a sul por Alcobaça e a oeste tem litoral no oceano Atlântico.

Desde o princípio do século até à década de 90, a evolução demográfica da Marinha Grande tem sido positiva. Nos últimos anos, tem apresentado taxas de crescimento superiores à sua área envolvente[carece de fontes], tomando como referência o distrito de Leiria ou o Pinhal Litoral. O desenvolvimento do sector industrial na Marinha Grande, está na base de tal crescimento populacional.

Aquando do Recenseamento da População em 1991, a freguesia da cidade da Marinha Grande possuía 26 628 habitantes, sendo 13 000 homens e 13 628 mulheres.

De acordo com os censos preliminares, referentes a 2001, a freguesia da Marinha Grande, registou um aumento populacional na ordem dos 6,4%, contando a mesma com um total de 28 329 habitantes. A superioridade numérica do sexo feminino mantém-se, tendo em conta que foram contabilizados 13 842 homens e 14 487 mulheres. Há a registar, desde a realização do último recenseamento, um aumento quer da população masculina, quer da população feminina.


História

A Marinha Grande é uma ocupação humana recente, se comparada com cidades vizinhas como Leiria e Alcobaça; ela nasce com a iniciativa industrial de Guilherme Stephens, patrocinada pelo Marquês de Pombal, que associou a abundância de madeira e areia para aqui criar a indústria vidreira de que fez a força da vila - e que, mais tarde, veio a dar origem à indústria de plásticos e moldes. É datado de 1776 o marco de pedra, que hoje pode ser visitado no Museu do Vidro, com a inscrição: "Por ordem de Sua Majestade todas as lenhas do Pinhal que estão em huma légua o redor deste marco pertencem à Fábrica de Vidros"6 .

Nascida com a Revolução Industrial, a Marinha Grande foi um dos grandes pólos dos movimentos políticos associados à emancipação do proletariado. O símbolo maior desta posição socio-política é o facto de a Marinha Grande ter tomado a dianteira na revolta de 18 de Janeiro de 1934 contra a II República, tendo sido aqui que as forças leais ao governo de Salazar encontraram maior oposição.7

A Marinha Grande foi elevada a cidade em 11 de Março de 1988.8

Actualmente, e apesar dos receios surgidos na viragem do século com a falência de muitas PME do sector dos moldes face à concorrência de países emergentes como o México ou a China, as empresas marinhenses têm conseguido adaptar-se às exigências da globalização. A "Marinha" (como é localmente designada, de modo informal) é, juntamente com Oliveira de Azeméis, o motor da indústria de moldes nacional.

 

 

Fonte dos textos: Wikipedia

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

Ainda não há comentários para este artigo.

Find more about Weather in Coimbra, PO
Click for weather forecast

NEWSLETTER

Subscrever a newsletter:



Sair da newsletter:

ARRENDA-SE.NET

Quartos, apartamentos, casas, etc

RECADINHOS

Últimos recadinhos dos leitores:

Congratulations for the site. It is very nice to get more informations about Portugal. A beautiful country.
Matheus Smith 2016-07-30 23:39:20


RELÓGIO

Veja que horas são no mundo

NOTÍCIAS

Jornal O PÚBLICO

A peculiar democracia do Ruanda de Paul Kagame, entre Singapura e a Coreia do Norte
Nove milhões de ruandeses vão às urnas esta segunda-feira para escolher deputados e Presidente numa eleição com guião quase fechado. Trinta anos depois, o regime continua a reprimir pela liberdade.

O atentado contra Donald Trump vai favorecê-lo na campanha?
Neste P24 ouvimos Pedro Guerreiro, editor do online e jornalista do PÚBLICO nos EUA, que vai acompanhar a partir de hoje a convenção republicana.

A mesada do padrinho
Deixemos de lado a parte negativa de impor limites às horas que cada um está disposto a trabalhar, que seria toda uma outra discussão, e concentremo-nos nos aspetos económicos. Opinião de Rita Vilas-Boas

Ciência e comunidade
Interessa cada vez mais incluir os cidadãos a quem a ciência, supostamente, serve. Opinião de João Ramalho-Santos

Na economia, todos os governos fazem escolhas
O que distingue uns Estados dos outros não é tanto o facto de terem ou não adoptado medidas selectivas, mas se o fizeram de forma coerente, qualificada e consequente, prosseguindo objectivos claros. Opinião de Ricardo Paes Mamede

Ele colónias há muitas
Não creio possível reparar o irreparável, ou pedir desculpa pelo indesculpável. Alguma vítima da escravatura desculparia os seus algozes pelos crimes execrandos que cometeram? Opinião de Fernando d'Oliveira Neves

NOTÍCIAS

Jornal EXPRESSO

(c) 2014 Portal REGIAOCENTRO.ORG

Termos de Serviço

Privacidade